Relacionamento

Ei…

large (5)

 

Ei…

Você nunca precisou ser poesia pra eu fazer versos com tudo que vinha de você.
Você nunca precisou me entregar nada pra eu mergulhar no seu mar sem medo.
Nunca precisou ser recíproco porque, lá no fundo, isso me assusta mais do que me dá forças.
Mas ei, não precisa simular qualquer sentimento de querer ou de preocupação se não forem verídicos.
Eu nunca te cobrei nada, nunca te pedi pra você ser nada além de você mesmo ou me entregar qualquer coisas que você já não estivesse me dando.
Pode foder comigo, na sua cama ou na minha. Tanto faz.
Mas não fode a minha alma encenando qualquer coisas que não faça parte do script dessa história.
Veja bem, eu já estive aqui antes.
Eu já senti os buracos que ficam depois que as essas coisas falsas são arrancadas sem mais nem menos.
Eu sei que um dia você vai puxar o band-aid.
Eu sei que você ainda tem muito pra desejar por aí e eu nunca quis querer você mais do que você quer a mim.
Então pode ir, sempre que quiser.
Sempre te quis assim, livre.
Vou te levar comigo até mesmo quando você não estiver aqui.
Sempre gostei de você assim, de graça.
Você nunca precisou me iludir ou prometer qualquer coisa.
Eu gosto de pisar em terrenos reais.
Pode colidir seu mundo com o meu mais tantas outras vezes, a gente junto sempre vai pegar fogo.
Mas não tenta encher o meu peito com sentimentos fajutos.

Eles me tiram o ar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s